Obey traz ‘Printed Metters’ a Lisboa

Com direito a murais e diversas colagens nas ruas, a lenda Shepard Fairey exalta a importância da impressão gráfica em individual na galeria Underdogs. Até 23/09!
Shepard Fairey nas ruas de Lisboa (Crédito: Jon Furlong)

A casa inteiramente tomada e o espetáculo montado em grande estilo. Após a realização de três imponentes murais nas ruas de Lisboa, um deles numa virtuosa colaboração com o português Alexandre Farto (Vhils), o artista norte-americano Shepard Fairey, a figura por trás do mítico personagem Obey, inaugurava a sua aguardada individual na Galeria Underdogs, que, com um menor espaço expositivo desde a recente reforma do espaço, parecia pequena para comportar o mar de visitantes interessados em ver de perto a lenda urbana e suas obras. Embora o mesmo já não esteja presente – e muito menos de férias, a considerar a inauguração de outro “solo show” nos Estados Unidos -, a comentada exposição de Obey em terras portuguesas reabre no dia primeiro de setembro e segue aberta ao público até o dia 23. Para ver ou rever, vale a visita!

A galeria Underdogs no dia da abertura de “Printed Matters” (Crédito: Jon Furlong)

Intitulada “Printed Metters”, uma série expositiva itinerante iniciada em Los Angeles ainda em 2010, a individual de Obey em Lisboa, assim como a inaugurada duas semanas depois na Treason Gallery, em Seatlle, trazia a clara proposta de exaltar a importância, “a experiência provocadora e táctil” da impressão gráfica – de vida eterna, segundo o artista – e reunia uma grande variedade de prints, seja em papel, madeira ou metal, incluindo o exclusivo e esgotado “Peace Guard 2 Stencil (Lisbon)”, também pintado em grande escala numa empena da Graça (Rua Natália Correa). O mural realizado com Vhils também fica num prédio próximo, na Rua da Glória, e o outro, numa parede horizontal, encontra-se nas Amoreiras.

A considerar o propósito da exposição e o próprio conceito por trás da obra do “artivista” norte-americano, marcada pelo tanto pelo discurso engajado como pela criação de poderosas imagens voltadas à produção serigráfica (em série) – ao exemplo do famoso cartaz “Obama Hope” e da própria logomarca Obey, vista facilmente ao lado de outras imitações em qualquer chinês original -, não era de se estranhar a ausência de telas na exposição e, neste caso, a rua acabara por complementar a movimentada passagem de Shepard Fairey pela capital portuguesa, tendo em conta a pintura dos murais citados e, inclusive, o massivo ataque de “pasteup” visto na sequência. Díficil mesmo era não notar a sua presença.

“Sou um produto da era da produção em massa e da cultura de massas que esta criou. Não consigo imaginar a minha prática artística sem a influência e o uso da impressão gráfica. Algumas das minhas maiores influências não foram pinturas, mas sim coisas impressas, como capa de discos, grafismos de skate, flyers de show de punk e design de tshirts”, justifica Shepard Fairey no paragrafo inicial do texto de sala, assinado em primeira pessoa. E se algumas pessoas costumam dizer que a impressão tem seus dias contados dentro da era digital, a lenda norte-americana conseguiu mostrar que, “na rua ou numa galeria, a impressão ainda importa” e impressiona. A levar em conta a principal essência da técnica defendida, a reprodução em série, pode-se dizer que a máquina de fazer arte, aos 47 anos de idade, continua a todo vapor.  Respect!

Abaixo, confira o vídeo realizado por José Pando Lucas para Underdogs:

“Printed Metters” Underdogs Gallery.
Rua Fernando Palha, Armazém 56. Lisboa, Portugal.
Entrada livre; de Ter. a Sáb., das 14h às 20h. Até 23/09.
Mais informações: www.under-dogs.net/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s